Publicado em: 25 de janeiro de 2022

MERCADO DE EPI EM 2020 ULTRAPASSA R$ 16 BILHÕES

O “Indicadores do Mercado Brasileiro de EPI”, produzido anualmente pela ANIMASEG, aponta que no ano de 2020 foram comercializados cerca de 11,2 bilhões de EPIs, representando cerca de R$ 16,6 bilhões em valor de mercado. No fechamento de 2021, o setor estima que as vendas saltaram para 11,8 bilhões, atingindo um resultado em valor de mercado de mais de R$ 17 bilhões.

De acordo com o relatório, as três categorias de EPI que demonstram em 2020 um resultado mais expressivo em valor de mercado são de: luvas (hospitalares e de segurança) com mais de R$ 6,8 bilhões, vestimentas de segurança com cerca de R$ 4 bilhões e calçados de seguranca com pouco mais de R$ 2,4 bilhões.

Em relação aos EPIs para proteção respiratória, os respiradores descartáveis sem manutenção tiveram um aumento abrupto de mercado de 208% em 2020 em relação a 2019, o que representou um crescimento em valor de mercado de R$ 276 milhões para cerca de R$ 1,8 bilhões.

Para a entidade, a pandemia mostrou a eficácia do uso do EPI adequada ao risco para prevenção de acidentes e, sobretudo, para segurança à vida. “A imagem do EPI foi ressignificada. Em tempos de pandemia, o valor à vida humana ganhou a atenção da sociedade em geral, e a utilização do EPI foi umas das principais medidas de prevenção e proteção contra a Covid, impactando positivamente todas as demais áreas do trabalho”, comenta Raul Casanova Junior, diretor Executivo.

Para conferir todo o estudo do mercado brasileiro de EPI, baixe gratuitamente a versão em PDF, acessando o link >> https://animaseg.com.br/wp-content/uploads/2021/12/Indicadores-do-Mercado-Brasileiro-de-EPI-2021.pdf

Fonte: Animaseg (https://animaseg.com.br/mercado-de-epi-em-2020-ultrapassa-r-16-bilhoes/)