Como escolher uma consultoria de Segurança do Trabalho

O eSocial não traz novas leis, mas cuidar da Segurança do Trabalho é novidade para muitas empresas. Para ter sucesso nesse momento de implantação, é essencial contar com um parceiro de confiança.

Uma boa consultoria de Segurança do Trabalho vai tornar o processo de implantação do eSocial mais tranquilo e ainda poupar tempo e dinheiro das empresas, afinal, multas e processos trabalhistas podem custar muito mais caro.

Mas saiba que simplesmente contratar uma consultoria não garante que você esteja cumprindo todas as obrigações. Por isso listamos algumas dicas para você fechar uma boa parceria e não levar gato por lebre.

1- Não contrate uma consultoria que emite laudos sem ir até a sua empresa, é impossível fazer um levantamento de riscos sem conhecer o ambiente. Pode parecer absurdo, mas acredite, tem muita empresa que vende PPRA por telefone. Um documento feito dessa forma não tem valor nenhum, pois não reflete a realidade da empresa. Cuidado, você pode estar pagando muito caro por um simples papel!

2- Verifique se essa empresa faz a gestão completa dos programas e laudos para atendimento ao eSocial. Se você acha que para atender todos os eventos de Saúde e Segurança do Trabalho, apenas PPRA e PCMSO são suficientes, está muito enganado. É necessário realizar uma gestão completa, o que inclui a geração de vários documentos, acompanhamento das ações propostas e adequação às Normas Regulamentadoras. 

3- Procure saber se os equipamentos utilizados nas medições atendem todas as normas. Após o reconhecimento dos riscos aos quais os trabalhadores estão expostos, é hora de fazer as avaliações quantitativas. Nessa etapa são utilizados alguns equipamentos para realizar medições e mensurar os níveis de exposição dos trabalhadores. É muito importante que esses equipamentos estejam de acordo com as normas e sejam calibrados em laboratório credenciado RBC/Inmetro, pois um erro nessas avaliações pode deixar seu funcionário exposto e fazer com que ele adquira uma doença ocupacional.

4- Certifique-se de que a consultoria dispõe de um sistema para envio dos eventos ao eSocial. Ter os documentos impressos não é suficiente, o eSocial exige que os arquivos sejam enviados em formato XML, o que só é possível através de um software. Lembre-se que a obrigação de atualizar o eventos de Saúde e Segurança do Trabalho não é do seu contador, já que a especialidade dele é fiscal e tributária. Por isso, antes de contratar uma consultoria, esteja certo de que essa empresa tem condições de enviar as informações dentro do prazo.

Não coloque sua empresa em risco, pesquise bem antes de contratar uma consultoria, pois o barato pode sair muito caro.

Fonte: https://www.contabeis.com.br/artigos