Calçado de segurança apresenta evolução tecnológica a partir da microfibra

Uma nova matéria prima está sendo adotada pelos fabricantes de calçados de segurança EPIs (Equipamentos de Proteção Individual). A microfibra, amplamente utilizada pela indústria têxtil por conferir leveza e conforto às peças de vestuário, ganha destaque,  agora, na produção de calçados de segurança. Por se tratar de um “tecido inteligente”, apresenta uma evolução para o setor, pois torna o calçado mais “respirável” e simples de lavar. Outra vantagem é que ele desponta no mercado como uma nova opção em relação a alguns modelos em couro – que passam por processo de produção mais demorado e sofrem desgaste maior durante o uso em ambiente de trabalho, diminuindo sua vida útil.

Certificação

A microfibra torna os calçados mais ecológicos, superando os certificados do OEKO-TEX 100 (Associação Internacional para Investigação e Ensaios no Domínio da Ecologia Têxtil) – um sistema de verificação e certificação independente para produtos têxteis em bruto, intermédios e acabados de todos os estados de transformação.

Fonte: http://www.guiadoepi.com.br